Histórico

O início da formação de recursos humanos em Microbiologia na Bahia se deu através do curso sediado na Faculdade de Farmácia. O curso de Especialização em MICROBIOLOGIA proposto pela Faculdade de Farmácia da Ufba, ainda em curso, visa dar oportunidade aos diversos profissionais da área de saúde, que desejam se especializar nas diversas modalidades da microbiologia, atendendo a demanda de mercado. Sendo, portanto, uma opção para esses profissionais que retornam à Universidade em busca de atualização de seus conhecimentos.

A criação deste curso tem grande importância regional, principalmente na formação de profissionais que não possuem a disponibilidade de deslocamento para as regiões Sul e Sudeste do País, as quais concentram o grande número de cursos em MICROBIOLOGIA, seja Lato ou Stricto sensu. Na região Nordeste, apenas temos um curso Lato sensu no estado da Paraíba e um curso de Mestrado e Doutorado reconhecido pela CAPES (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior) no estado do Ceará.

A Especialização em MICROBIOLOGIA foi criada no ano de 2005, pelo Departamento de Análises Clinicas e Toxicológicas (DACTOX) situado na Faculdade de Farmácia da Universidade Federal da Bahia, para profissionais portadores de diploma de Graduação em Ciências Biológicas, Farmácia, Medicina, Biomedicina, Nutrição, Enfermagem, Odontologia e Medicina Veterinária. O curso tem como corpo docente, além de professores do DACTOX, professores dos Departamentos de Medicamentos e Análises Bromatológicas e do Instituto de Ciências da Saúde.

Trata-se de um curso de aulas mensais, com carga horária de 420 horas, incluindo 60 horas de monografia e o restante distribuídas em 20 disciplinas, como Metodologia da pesquisa e do trabalho científico, Princípios da bioestatística, Biossegurança e bioética em microbiologia, Epidemiologia, Morfologia, fisiologia e bioquímica de micro-organismos, Genética de microrganismos, Interação hospedeiro x microrganismo, Bacteriologia clínica, Métodos imunológicos aplicados ao diagnóstico das infecções microbianas, Bacteriologia clínica, Farmacologia dos antimicrobianos, Virologia, Micologia, Microbiologia de alimentos, Microbiologia oral, Microbiologia de produtos farmacêuticos e cosméticos, Microbiologia ambiental, Técnicas moleculares aplicadas ao diagnóstico e estudo epidemiológico de micro-organismos, Microbiologia veterinária e Infecção hospitalar.

O curso encontra-se concluindo a terceira turma e a partir da próxima se caracterizará como um curso de especialização de caráter permanente na Ufba. O curso formou um total de 80 alunos em três turmas. Os professores Joice Neves Reis, Milton Ricardo de Abreu Roque e Tânia Fraga Barros são do corpo docente do curso de Especialização e também estão incluídos nesta proposta de curso de Pós graduação strictu sensu  em Microbiologia.

Soma-se a este contexto, o fato de que inúmeros profissionais com titulação de doutorado e pós-doutorado, egressos de Universidades de renome em Microbiologia no Brasil e no exterior (UFRJ, UFMG, USP, UNICAMP, Universidad de Buenos Aires) prestaram concurso para professor na Ufba nos últimos anos e hoje são líderes de grupos de pesquisa e coordenam laboratórios em diversas áreas da Microbiologia (como exemplos os Drs.  Adriana Medeiros, Milton Roque, Paula Ristow, Luis Pacheco, Silvia Sardi, Melissa Pinna, Federico Costa, Lucas Miranda Marques). Diante da inexistência de curso de Pós-graduacaoStricto Sensu em Microbiologia na Bahia, estes professores atuam em outros programas de pós-graduacao em áreas correlatas, como Biotecnologia, Imunologia, Genética, entre outros. Como consequência, estes professores formam recursos em microbiologia; porém, estes alunos são absorvidos por Programas de PG em outras áreas do conhecimento, ou buscam a formação específica na área de Microbiologia em PGs de outros estados do Brasil.

Diante do exposto, diversos professores oriundos do Ibio, ICS, Faculdade de Farmácia, Escola de Medicina Veterinária, ISC, Fiocruz e FTC, que possuem ampla rede de colaboração entre os próprios professores e com membros externos, elaboraram proposta da criação de Pós-graduação em Microbiologia.